quinta-feira , 23 novembro 2017
Home / Destaque da capa / Giovannoni pode atingir uma marca inédita no NBB

Giovannoni pode atingir uma marca inédita no NBB

Giovannoni pode se tornar o primeiro atleta com mais de 5 mil pontos e 2 mil rebotes na história do NBB CAIXA | Foto: Caio Casagrande/LNB)

Guilherme Giovannoni pode atingir uma marca inédita na história do NBB CAIXA; confira os 10 fatos mais importantes dos jogos desta terça-feira

A segunda semana do NBB CAIXA terá início nesta terça-feira (14/11), com a realização de três partidas. Em São Paulo (SP), o Paulistano/Corpore fará um duelo de reencontros com o Flamengo, que fará sua estreia na competição. Já o Vasco da Gama atuará pela primeira vez ao lado de seu torcedor na temporada, diante do EC Pinheiros, que também estreia. Enquanto isso, no Paraná, o Campo Mourão receberá o embalado Minas Tênis Clube.

O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com o patrocínio master da CAIXA, os patrocínios da SKY, INFRAERO, Avianca, Nike e Penalty e o apoio do Ministério do Esporte.

Confira os #10Fatos da rodada desta terça-feira (14/11) do NBB CAIXA 2017/2018:

Reencontro especial

Reforço do Flamengo para a temporada 2017/2018, Arthur Pecos reencontrará o Paulistano, seu ex-clube, pela primeira vez. O jovem armador defendeu as cores alvirrubras por quatro temporadas e por lá chegou a duas Finais de NBB CAIXA. Mais do que medalhas, Pecos conseguiu, no CAP, o amadurecimento necessário para se assumir um papel de destaque no cenário nacional e até ser convocado para a Seleção Brasileira. Outro reforço rubro-negro, o ala Pilar também defendeu o Paulistano na carreira, nas temporadas 2013/2014 e 2014/2015.

Foi Final

Uma das Finais de NBB CAIXA do Paulistano foi justamente contra o Flamengo, na temporada 2013/2014. Na ocasião, a decisão foi realizada em jogo único, no Rio de Janeiro (RJ). Em duelo acirrado do início ao fim, o time rubro-negro levou a melhor, por 78 a 73, e conquistou o segundo da sequência de quatro títulos nacionais seguidos. O MVP da decisão foi o pivô norte-americano Jerome Meyinsse, hoje do San Lorenzo (ARG), com 16 pontos, mesma marca de Marcelinho Machado, que ainda pegou sete rebotes.

Laço forte

É sempre bom lembrar que os técnicos José Neto (Flamengo) e Gustavo De Conti (Paulistano) têm uma relação de longa data. Gustavo foi atleta de José Neto nas categorias de base do Paulistano e encerrou a carreira de jogador para se tornar assistente do atual treinador rubro-negro, que na época comandava a equipe adulta do CAP. A parceria durou até 2007, quando Neto deixou o clube. No entanto, os dois voltaram a trabalhar juntos e durante anos atuaram como auxiliares do treinador Rubén Magnano na Seleção Brasileira.

Só Seleção

O duelo entre Flamengo e Paulistano reunirá diversos atletas que defenderão duas seleções nas Eliminatórias para o Mundial de 2019. Pelo lado alvirrubro, os selecionáveis são Lucas Dias e Yago Matheus (Brasil), o ala/armador Kyle Fuller (Peru) e o pivô David Nesbitt (Bahamas). Já do lado rubro-negro, os representantes são Marquinhos (Brasil), David Cubillan (Venezuela), e MJ Rhett e Ronald Ramon (República Dominicana).

Sequência alvirrubra

O Flamengo tem vantagem estrondosa no histórico do confronto contra o Paulistano no NBB CAIXA. Em 22 partidas, são 19 vitórias e somente três derrotas. No entanto, duas das três derrotas aconteceram nas duas últimas temporadas, no Ginásio Antonio Prado Jr, palco do duelo desta terça-feira. Na edição 2014/2015, venceu por 67 a 60, e no ano seguinte, o triunfo aconteceu por expressivos 103 a 96.

Foi playoff

Um dos duelos da rodada desta terça-feira, Vasco da Gama e Pinheiros foram adversários nas oitavas de final do último NBB CAIXA. Em série de arrepiar e decidida somente no Jogo 5, a equipe paulista fez valer o mando de quadra, ganhou a partida derradeira em casa 93 a 82, com 36 pontos do MVP do campeonato Desmond Holloway.

Perderam viagem

Flamengo e Pinheiros farão suas estreias no NBB CAIXA 2017/2018 nesta terça-feira, pois estavam na disputa da segunda fase da Liga Sul-Americana. Em grupo realizado no Rio de Janeiro, ambas as equipes foram eliminadas – o Estudiantes de Concórdia (ARG) ficou com a vaga na final. Para saber mais, clique aqui.

Marca histórica

Um dos maiores jogadores da história do NBB CAIXA, o experiente ala/pivô Guilherme Giovannoni está prestes a conseguir um feito marcante. Se pegar sete rebotes, o camisa 12 vascaíno completará 2.000 na competição e se tornará o primeiro atleta de todos os tempos da competição a ter mais de 5.000 pontos e 2.000 sobras – tem 5.084 pontos. Na estreia contra o Minas, Guilherme registrou 12 tentos e nove rebotes.

Que estreia

E por falar nisso, o Minas estreou no NBB CAIXA com expressiva vitória sobre seu “algoz” na Copa Avianca, Vasco da Gama. Em Belo Horizonte, o time mineiro deu o troco pelas duas derrotas sofridas no torneio preparatório e levou a melhor no emocionante duelo, por 82 a 81. Com 18 pontos, 11 assistências e cinco rebotes, o armador minastenista Gegê foi o grande nome da partida. A atuação lhe garantiu um lugar na Seleção da Semana #1 do NBB CAIXA.

Dupla turbinada

O adversário do Minas nesta terça-feira será o Campo Mourão Basquete, que teve um grande início de NBB CAIXA, em que venceu o primeiro jogo contra o Sesi Franca Basquete em pleno Pedrocão (77 a 73) e perdeu o seguinte para o atual campeão Sendi/Bauru Basket, no sufoco, por 82 a 80, em Lençóis Paulista (SP). Em ambos os jogos o time paranaense foi liderado pela dupla de armadores Hélio e Greg Brown, que somaram respectivas médias de 20,5 e 20,0 pontos, além de 4,5 assistências cada. Os dois não entraram na Seleção da Semana, mas receberam merecidas menções honrosas.

Sobre Da Redação

Leia também

Escola Verde

Escola Verde, no Riacho Fundo, é inaugurada

Unidade atenderá nos turnos matutino e vespertino. O governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, participou da …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subscribe!