domingo , 23 setembro 2018
Home / Destaque da capa / Na raça, Cruzeiro conquista vitória sobre o Palmeiras

Na raça, Cruzeiro conquista vitória sobre o Palmeiras

Foi no peito e na raça! O Cruzeiro fez valer a força de sua camisa e seu instinto de tradição e conquistou uma importante vitória sobre o Palmeiras por 1 a 0, no jogo de ida da semifinal da Copa do Brasil. A partida foi disputada no Allianz Parque, em São Paulo.

O gol celeste aconteceu logo no início do jogo e foi marcado por Hernán Barcos, após rápido contra-ataque puxado por Thiago Neves e Robinho.

Outro destaque do jogo foi o goleiro Fábio, que fez grandes defesas e colaborou para o resultado que dá uma vantagem parcial ao Cruzeiro na disputa por uma vaga na final.

O jogo

A partida começou em ritmo eletrizante. O time da casa criou uma grande oportunidade logo aos 4 minutos, quando Borja chutou colocado e Fábio fez sua primeira grande defesa. Na sequência da jogada, o Cruzeiro deu a resposta a altura.

Henrique tomou a bola de Dudu e acionou Robinho na direita. O camisa 19 tabelou com Thiago Neves e encontrou Barcos livre na entrada da área.

Com frieza, o camisa 28 dominou e tocou por cobertura na saída do goleiro Weverton, fazendo um belo gol: 1 a 0 para o Cruzeiro.

À frente no placar, o time celeste passou a jogar esperando por um novo contra-ataque. O Palmeiras tentou algumas investidas, mas sempre esbarrava na defesa estrelada, bem postada.

Aos 13 minutos, Willian chutou com efeito e a bola tocou o travessão. Já aos 28, foi a vez de Borja levar perigo, com chute que balançou a rede pelo lado de fora.

A Raposa voltou a levar perigo nos minutos finais da primeira etapa. Thiago Neves descolou belo passe para Arrascaeta que tentou o toque na saída do goleiro, mas foi abafado por Weverton.

Na volta para o segundo tempo, o Palmeiras tentou imprimir seu ritmo e criou algumas chances de perigo. Fábio, um dos grandes nomes do jogo, fez ao menos três grandes defesas em arremates de Willian, Artur e em um desvio de Egídio, já nos acréscimos.

A partir dos 35 minutos da segunda etapa, o Cruzeiro atuou com um jogador a menos após expulsão do lateral direito Edilson.

Com a vitória, o Cruzeiro pode jogar por um empate no jogo da volta, dia 26 de setembro, no Mineirão, que garantirá uma vaga na grande final da Copa do Brasil.

PALMEIRAS 0 X 1 CRUZEIRO

Motivo: Jogo de ida da semifinal da Copa do Brasil
Data: 12/09/2018 (quarta-feira)
Local: Allianz Parque, em São Paulo-SP
Árbitro: Wagner Reway (FIFA/MT)
Renda: R$ 2.732.380,90
Público: 32.960
Gol: Barcos, aos 4 minutos do 1º tempo
Palmeiras: Weverton; Mayke, Antônio Carlos, Edu Dracena e Diogo Barbosa; Thiago Santos (Lucas Lima) e Bruno Henrique (Marcos Rocha); Willian, Moisés e Dudu; Borja (Artur). Técnico: Luiz Felipe Scolari
Cruzeiro: Fábio; Edilson, Dedé, Léo e Egídio; Henrique, Lucas Silva, Robinho (Bruno Silva), Thiago Neves e De Arrascaeta (Rafinha); Barcos (Raniel). Técnico: Mano Menezes
Cartões amarelos: Thiago Santos, Dudu (Palmeiras); Leo, Fábio, Edilson (Cruzeiro)
Cartão vermelho: Edilson (Cruzeiro)

Felipão avalia primeiro duelo com Cruzeiro e projeta jogo de volta em Minas

O Palmeiras perdeu por 1 a 0 para o Cruzeiro, nesta quarta-feira (12), no Allianz Parque, pela partida de ida das semifinais da Copa do Brasil – o jogo de volta ocorrerá no dia 26 de setembro (quarta), às 21h45, em Belo Horizonte-MG. O técnico Luiz Felipe Scolari analisou o rendimento do time diante dos mineiros.

“Foi um desempenho razoável. Nós tivemos muitas vezes o controle do jogo, mas tomamos o gol muito cedo. A equipe do Cruzeiro sabe jogar organizada e fechada. Nós tivemos poucas chances para conseguir igualar o resultado ou até virar o jogo. Com uma equipe que joga dessa forma, já sabíamos de antemão que seria muito difícil. Seria um jogo que teríamos de ter muito equilíbrio. Jogamos razoavelmente bem”, analisou.

Felipão, por sua vez, mostrou tranquilidade ao projetar o segundo encontro com o Cruzeiro, fora de casa. “Veremos como corre o jogo lá, sabemos que o jogo será muito difícil. Será mais um jogo equilibrado. Neste momento estamos perdendo. Se fizermos um gol, a igualdade acontecerá e depois veremos o que será do resultado final. Quem está em vantagem hoje é o Cruzeiro, mas temos boas possibilidades de ir a Belo Horizonte e vencer”, disse. “Temos mais 90 minutos para jogar e temos de ter tranquilidade”, completou.

O próximo compromisso do Palmeiras será no domingo (16), às 16h, contra o Bahia, em Salvador-BA, pela 25a rodada do Campeonato Brasileiro. Já na quinta (20), às 21h45, será a vez de enfrentar o Colo-Colo, no Chile, pelas quartas de final da Conmebol Libertadores.

Sobre Da Redação

Leia também

São Paulo

São Paulo finaliza preparação para encarar o América-MG

Com Bruno Peres treinando junto com o grupo, Diego Aguirre comandou treino tático e de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subscribe!