terça-feira , 16 outubro 2018
Home / Destaque da capa / Renegade chega aos EUA com a reestilização que estreia no Brasil

Renegade chega aos EUA com a reestilização que estreia no Brasil

Foto: Divulgação

Linha 2019 recebeu discretos retoques na dianteira, com para-choque redesenhado na parte que abriga os faróis de neblina

Depois de ser lançado na Europa, o Jeep Renegade 2019 começa a ser vendido nos Estados Unidos com a reestilização que será adotada pelo modelo fabricado no Brasil ainda este mês para chegar às lojas em novembro. O SUV importado da Itália ganhou também a nova motorização Firefly 1.3 turbo a gasolina de 180 cv de potência, que substitui o 1.4 turbo de 160 cv. No mercado norte-americano há ainda o motor Tigershark 2.4 aspirado de 182 cv, também oferecido com o câmbio automático de nove marchas.

O Renegade 2019 recebeu discretos retoques na dianteira, com para-choque redesenhado na parte que abriga os faróis de neblina, além de conjunto óptico com assinatura de LED no lugar da luz halógena de rodagem diurna do modelo anterior. Na traseira, as lanternas ganharam desenho tridimensional e a fechadura da tampa do porta-malas agora está mais ergonômica para a abertura do compartimento (que mantém a capacidade de 320 litros).

Segundo o site Autos Segredos, o Renegade brasileiro adotará o para-choque dianteiro da versão Trailhawk 4×4 europeia em todas as configurações para reduzir os custos de produção e por conta do maior ângulo de ataque. Uma das reclamações dos donos de Renegade 1.8 flex é que a parte inferior da peça raspa com facilidade em lombadas e valetas devido a baixa altura em relação ao solo.

Internamente, o SUV incorpora a nova central multimídia com tela de 8,4 polegadas e botões integrados ao painel, como no irmão maior Compass. Por aqui, as versões 4×4 turbodiesel ganharão uma função que avalia e auxilia a condução em percursos off-road.

Já as motorizações Firefly turbo devem levar mais uns dois anos para desembarcarem por aqui adaptadas para o uso com etanol. Até lá, o SUV manterá o 1.8 16V e.TorQ flex de 139 cv nas versões de tração dianteira. O 2.0 turbodiesel de 170 cv com tração 4×4 não deverá sofrer alterações para o nosso mercado.

 

Fonte: Carsale

Sobre Da Redação

Leia também

espetáculo

“Encerramento do Amor” em curta temporada no Sesc

Apresentação será exibida nos dias 20 e 21 de outubro (sábado e domingo), sempre às …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subscribe!