Chevrolet S10 2021 | Imagem: Divulgação

As sutis mudanças no visual da Chevrolet S10 2021 não revelam o quanto a picape melhorou na mecânica e ganhou em tecnologia. Novo turbo a deixou mais esperta

Se um olhar diz muita coisa, é com ele que a nova Chevrolet S10 High Country quer intimidar as rivais do segmento. Uma das novidades da linha 2021 da picape média, que acaba de estrear (leia mais aqui), está justamente na dianteira, que ganhou uma atualização estética alinhada aos utilitários globais da marca – como a “irmã” americana Colorado. Mas a atualização não se limita a isso, e, como veremos, há também boas novidades mecânicas e tecnológicas.

A “cirurgia plástica” da Chevrolet S10 2021 trouxe novo para-choque, que aumentou o ângulo de ataque de 27º para 29º, luzes auxiliares reposicionadas para cima e grade do radiador com a inscrição “Chevrolet” por extenso, em alto relevo. Pela primeira vez o logotipo da “gravatinha” não está no centro, mas deslocado para a esquerda. Mais ou menos como o que foi feito na nova Fiat Strada (leia aqui).

O novo visual com um toque mais esportivo diferencia bem a versão topo de linha avaliada aqui do restante da família S10. Além disso, as novas rodas aro 18” desta Chevrolet S10 2021 High Country (mesma medida da configuração LTZ) exibem as bordas usinadas e os raios pintados de preto.

Atrás, a “picapona” manteve o design bem resolvido, mas a tampa da caçamba estreou agora um novo sistema de amortecimento, que deixou o manuseio bastante suave, além de a peça não “desabar” de uma vez na hora da abertura (este sistema agora está à venda como acessório para as configurações LS, Advantage, LT e LTZ).

De uns tempos para cá, é inegável que as dimensões das picapes médias em geral tomaram proporções bastante

avantajadas… que os proprietários constumam gostar, pois impõe respeito em meio ao trânsito. No caso da Chevrolet S10 2021, são exagerados 5,361 m de comprimento e 3,096 m de entre-eixos – praticamente o mesmo porte da clássica D20 Cabine Dupla dos anos 90, que tinha 5,340 m e 3,230 m, respectivamente, e permitia transportar até seis ocupantes.
A principal mudança está na nova central multimídia com wi-fi integrado (mas que exige o pagamento de um plano à parte)

A cabine desta nova Chevrolet S10 2021 também mudou pouco em relação ao modelo antecessor, mantendo a boa posição de dirigir e os comandos bem posicionados à mão. Entretanto, houve uma atenção especial à conectividade. Seguindo os passos do Cruze, da dupla Onix/Onix Plus e do SUV Tracker, agora chega à picape média o sistema de wi-fi nativo que permite conectar sete dispositivos, a até 15 metros do veículo. A comodidade é oferecida em parceria com uma operadora de celular. Também está presente o já conhecido e prático serviço de concierge OnStar.

A Chevrolet S10 2021 tem o sistema multimídia MyLink 3.6, que possui interface amigável, e um software que responde rápido aos toques na tela de 8”. A conectividade com Android Auto e Apple CarPlay ocorre sem a necessidade de cabos.

Já a câmera traseira integrada na maçaneta da caçamba de 1.329 litros transmite imagens em alta resolução e linhas guias, por exemplo, para auxiliar a vida do motorista na hora de engatar uma “carretinha”. Falando nisso, a Chevrolet S10 agora oferece um controle eletrônico de oscilação de trailers, capaz de identificar eventuais instabilidades nos reboques e frear as rodas da picape.

Respostas (mais) progressivas

Mas as novidades da Chevrolet S10 2021, como dissemos, vão além das aparências. E o motorista vai notar que a picape mudou também ao volante. Isso porque, sob o capô, o conhecido motor 2.8 a diesel estreia um novo turbocompressor, emprestado da americana Colorado. Não houve mudanças nos números da ficha técnica, e nem precisava: a S10 continua transmitindo ótimos 200 cv de potência e impressionantes 51 kgfm de torque.

A direção assistida eletricamente é precisa e bastante leve ao esterço, seja em baixa velocidade ou mesmo parada – além de transmitir um peso bastante correto ao dirigir em velocidades mais altas.

Chevrolet S10 Cabine Estendida

Chevrolet S10 High Country 2021

Preço básico R$ 125.390
Carro avaliado R$ 213.290

Motores: quatro cilindros em linha 2.8, 16V, duplo comando de válvulas, turbo
Cilindrada: 2776 cm3
Combustível: diesel
Potência: 200 cv a 3.400 rpm
Torque: 51 kgfm a 2.000 rpm
Câmbio: automático, seis marchas
Direção: elétrica
Suspensões: braços sobrepostos (d) e eixo rígido (t)
Freios: disco ventilado (d) e tambor (t)
Tração: 4×2 ou 4×4, com reduzida
Dimensões: 5,361 m (c), 1,874 m (l), 1,831 m (a)
Entre-eixos: 3,096 m
Pneus: 265/60 R18
Caçamba: 1.329 litros
Tanque: 76 litros
Peso: 2.042 kg
0-100 km/h: 10s1
Vel. máxima: 180 km/h
Consumo cidade: 8,3 km/l
Consumo estrada: 10,6 km/l
Emissão de CO2 212 g/km
Consumo nota: C
Nota do Inmetro: D
Classificação na categoria: C (Picape)

 

Fonte: MOTOR SHOW

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Solve : *
15 × 19 =