Modelo é oferecido com motores 1.3 TCe de 140 cv e híbrida de 1.6 aspirado de 160 cv

RESUMINDO A NOTÍCIA

  • Modelo terá motor turbo no Brasil
  • SUV compacto vendido na Europa é diferente do brasileiro
  • Versão esportiva tem detalhes inspirados em carros da F1
  • Interior tem central multimídia de 10 polegadas

Modelo tem detalhes inspirados em carros da Fórmula 1

Renault Captur 2021 (Rússia)

No velho continente a Renault passará a comercializar o Captur na versão R.S Line. Por lá o crossover compacto será oferecido com duas opções de motorização: 1.3 TCe de 140 cv de potência e híbrida plug-in E-Tech de 1.6 litro aspirado e com propulsor elétrico, que juntos entregam 160 cv de força. O modelo vendido na Europa é diferente do oferecido no Brasil usando a plataforma do Clio enquanto o nosso usa a base do Sandero B0. Por aqui, a marca já planeja uma nova versão, que terá motor turbo e será parecida com a comercializada na Rússia mas a base não vai mudar.

CAPTUR É MELHOR QUE KICKS, RENEGADE, TRACKER, T-CROSS, NIVUS E DUSTER? comparativo, motores, consumo. Veja o vídeo!

Em relação ao visual, a versão esportiva vem equipada com para-choque dianteiro exclusivo, spoiler e com detalhes inspirados em carros da Fórmula 1. Há também uma grande entrada de ar nas laterais e as rodas são exclusivas de 18 polegadas. Além disso, a grade ganhou novos traços e logo específico para a variante.

Rodas são exclusivas de 18 polegadas

Renault Kaptur russo com o facelift que também será aplicado ao SUV no Brasil
Renault Captur 2021 (Rússia)

Por dentro, o utilitário esportivo recebeu acabamento interno em couro costurado com detalhes em vermelho e de carbono no painel. O modelo ainda vem equipado com central multimídia flutuante de 10 polegadas, retrovisor eletrocrômico, carregador sem fio para smartphone, câmera de ré e assistência ao condutor.

RENAULT CAPTUR BOSE VALE R$ 96 mil? Além dos falantes e subwoofer ela tem ALGO MAIS? Veja o vídeo!

A diferença para o modelo vendido no mercado nacional é que está versão, que é produzida na Espanha, utiliza a plataforma modular CMF-B. Já a “brasileira” tem como base a B0 da Dacia, a mesma que é usada no Duster e no Kptur russo.

RENAULT CAPTUR USADO 1.6 VALE A PENA? Quais são os problemas comuns? Consumo, manutenção etc? Veja o vídeo!

Além do mais, no velho continente o crossover tem opção de motores a diesel como o 1.0 de três cilindros turbo, que entrega 90 cv ou de 100 cv com combustível sendo gás natural.

Modelo conta com central multimídia flutuante de 10 polegadas

Central multimídia passa a contar com tela de 8

SUV Compactos no Brasil
Este ano será marcado por uma renovação neste segmento. A Jeep atualizará o visual do Renegade e, também, colocará um motor 1.3 turbo. Já a Nissan mexerá no design do Kicks, mas manterá o motor 1.6 aspirado, porém, terá uma versão híbrida. O HR-V também ganhará uma versão híbrida e terá os traços modificados pela Honda, que o deixará com cara de coupé.

*Em colaboração Felipe Salomão

Fotos: RENAULT/REPRODUÇÃO

 

Fonte: AUTOS CARROS | Do R7

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Solve : *
8 + 23 =