O secretário de Economia do Distrito Federal, André Clemente, confirmou a realização do concurso da Controladoria Geral do Distrito Federal (CGDF)

De acordo com ele, diversas seleções serão realizadas até o ano de 2022.

“Os servidores, eu tenho falado, são o oxigênio da cidade, o oxigênio da Administração Pública. Porque são pessoas que vão entregar as políticas públicas”, comentou.

Além disso, André Clemente afirmou que como a cidade e as necessidades crescem, serão necessários mais servidores públicos para entregar um serviço de qualidade. Portanto, será necessário realizar novas seleções para aumentar o quadro de pessoal da Controladoria.

Vale lembrar que a Portaria Nº 63/2021, que dispõe sobre a autorização do concurso foi publicada no Diário Oficial do Distrito Federal. Enquanto isso, a Comissão do certame trabalha a todo vapor para divulgar o edital com 234 vagas para Auditor de Controle Interno, sendo 87 para provimento imediato e 147 para cadastro de reserva.

Ainda tem mais, a Lei de Diretrizes Orçamentárias para o ano de 2021 prevê orçamento para nomeação de 43 candidatos.

Você sabia que no concurso TCDF de 2014, das 16 vagas para ampla concorrência, 11 aprovados foram alunos do Estratégia? Se você quer fazer parte dessa estatística no próximo concurso CGDF, não perca tempo e estude com a Coruja!

Com todas essa movimentação, você precisa de todas as informações para poder se preparar, certo? Por isso, listamos abaixo os principais pontos do Concurso CGDF para você se informar. Confira:

Concurso CGDF: situação atual

Autorização

O próximo concurso público da Controladoria-Geral do Distrito Federal segue muito aguardado. Autorizado desde 2018, o certame já possui Comissão Organizadora formada.

Entretanto, a seleção acaba de receber uma nova autorização, junto com diversas outras carreiras no DF. Segundo a Portaria Nº 63/2021, a realização dos concursos depende de manifestação favorável das áreas técnicas de pessoal, orçamento e finanças.

O provimento dos cargos das carreiras contidas na Portaria depende de prévia autorização da Secretaria de Estado de Economia e está condicionado à:

  • I – existência de vagas no cargo no qual se dará o provimento;
  • II – ocorrência de vacâncias que justifiquem suas correspondentes reposições, até o término do período de restrição imposto pelo art. 8º da Lei Complementar nº 173/2020; e
  • III – adequação orçamentária e financeira da nova despesa à Lei Orçamentária Anual e sua compatibilidade com a Lei de Diretrizes Orçamentárias.

LDO 2021

Em agosto de 2020, foi aprovada a Lei de Diretrizes Orçamentárias do Distrito Federal para o ano de 2021. Nela, consta a previsão orçamentária para provimentos através de novos concursos públicos e nomeações.

Para a CGDF, é prevista a nomeação de 43 candidatos ao cargo de Auditor de Controle Interno, cargo a ser ofertado no novo edital.

Cargos vagos

De acordo com o Portal da Transparência, existem, atualmente, 380 cargos vagos para a carreira de Auditor de Controle Interno. A referência é de março de 2021.

Vagos Ocupados Total
380 250 630

Concurso CGDF: saiba mais sobre o cargo

Auditor de Controle Interno – Finanças e Controle

Requisitos: diploma de conclusão de curso de nível superior em qualquer área de formação, em nível de graduação.

Atribuições:

  • Planejar, coordenar, supervisionar e executar atividades relacionadas à gestão orçamentária, financeira, patrimonial e contábil;
  • Realizar estudos e pesquisas que visem à formulação de políticas e diretrizes financeiras;
  • Conferir, analisar e consolidar balanços;
  • Controlar movimentação financeira dos fundos existentes; supervisionar e acompanhar atos e fatos da gestão patrimonial;
  • Assessorar atividades específicas da sua área de atuação.

Auditor de Controle Interno – Planejamento e Orçamento

Requisitos: diploma de conclusão de curso de nível superior em qualquer área de formação, em nível de graduação.

Atribuições:

  • Planejar, coordenar, supervisionar e executar atividades relacionadas à elaboração de propostas, programação e reprogramação orçamentárias;
  • Realizar estudos e pesquisas que visem à formulação de políticas e diretrizes orçamentárias e de planejamento do DF;
  • Efetuar pesquisa, análise e interpretação da legislação econômico-fiscal, orçamentária, de pessoal e encargos sociais;
  • Promover a articulação entre planejamento e orçamento governamentais;
  • Assessorar atividades específicas de Planejamento e Orçamento.

Remuneração do concurso CGDF

De acordo com a estrutura remuneratória do cargo, a remuneração inicial é de R$ 12.800,00, podendo chegar a R$ 17.558,15 no último nível/classe. Abaixo você confere exemplos de remuneração retirados do Portal da Transparência do Distrito Federal:

O que faz a Controladoria Geral do DF?

A Controladoria-Geral do Distrito Federal, órgão especializado da Administração Direta, com status equivalente à de Secretaria de Estado, teve sua estrutura criada por meio do Decreto nº 36.236, de 1º de janeiro de 2015.

A pasta tem competência na supervisão, no tratamento e na orientação dos dados e das informações disponibilizáveis no Portal da Transparência; na supervisão e na coordenação do sistema de controle interno; na correição e na auditoria administrativa.

Além disso, também atua na supervisão e na coordenação dos serviços das ouvidorias públicas do Distrito Federal; na defesa do patrimônio público e da transparência; na prevenção da corrupção; na verificação dos princípios constitucionais nos atos da Administração Pública; bem como na apuração de indícios de irregularidades administrativas.

Último concurso CGDF

Organizado pela Fundação Universa, o último certame da Controladoria aconteceu em 2013. Na ocasião, foram ofertadas 60 vagas para Auditor de Controle Interno, sendo 30 na especialidade de Finanças e Controle e 30, para Planejamento e Orçamento.

Foram registrados no total 9.601 candidatos inscritos com uma concorrência aproximada de 135 candidatos por vaga na especialidade Finanças e Controle e concorrência aproximada de 185 por vaga na especialidade Planejamento e Orçamento.

Homologado em abril de 2016, o certame foi posteriormente prorrogado por mais dois anos, e ficou válido até 22 de abril de 2020.

Etapas do concurso CGDF

  • 1ª Prova Objetiva (eliminatória e classificatória);
  • 2ª Prova Discursiva – Redação (eliminatória e classificatória);
  • 3ª Sindicância de vida pregressa (eliminatória);
  • 4ª Curso de formação (classificatório e eliminatório);
  • 5ª Avaliação de títulos (classificatória).

Prova objetiva

A prova objetiva contou com 80 questões que abordaram conhecimentos de língua portuguesa, conhecimentos gerais, específicos e especializados. A prova foi composta por questões de múltipla escolha, com 5 alternativas em cada questão e pontuação total de até 170 pontos.

  • Conhecimentos em língua portuguesa – 10 questões (peso 2)
  • Conhecimentos gerais – 15 questões (peso 1)
  • Conhecimentos específicos – 30 questões (peso 2)
  • Conhecimentos especializados – 25 questões (peso 3)
  • Conhecimentos Gerais
    • Português
    • Administração Pública
    • Noções de Direito Financeiro e Tributário
  • Conhecimentos Específicos
    • Direito Constitucional
    • Direito Administrativo
    • Contabilidade Geral
    • Controle Interno e Externo
    • AFO
  • Conhecimentos Especializados 
    • Economia e Finanças Públicas
    • Contabilidade Pública
    • Auditoria Governamental (somente para a especialidade Finanças e Controle)
    • Planejamento e Orçamento (somente para a especialidade Planejamento e Orçamento)

Curso de Formação

O curso de formação teve a duração de 160 horas/aulas. As aulas foram ministradas de segunda-feira a sexta-feira, podendo, ainda, a critério exclusivo da Secretaria de Estado de Administração Pública do DF, estender-se aos sábados, domingos e feriados e em período noturno.

No término do curso de formação foi aplicada prova de verificação de aprendizagem, composta de 50 questões, com o peso de 1 ponto para cada questão, avaliando as habilidades e os conhecimentos do candidato, conforme as disciplinas e conteúdos ministrados nas aulas.

Avaliação de Títulos

A avaliação de títulos valeu no máximo 6 pontos, ainda que a soma dos valores dos títulos e comprovantes fosse superior a este valor. Somente foram aceitos os títulos e comprovantes mencionados no quadro abaixo, observados os limites de pontuação:

concurso CGDF: quadro de pontuação para a prova de títulos.

Guia de Estudos para CGDF

Os Guias são artigos postados no site do Estratégia Concursos com links para Cadernos de Questões, por disciplina, customizados de acordo com o conteúdo programático de cada edital.

Guia de Estudos CGDF


Quer estudar para o concurso CGDF?

♦Informações do concurso CGDF

  • Data prevista: 2021
  • Vagas: 87 + 147 CR previstas
  • Cargo: Auditor de Controle Interno
  • Requisito: nível superior
  • Banca: a definir
  • Último edital: Edital CGDF 2013

 

Fonte Estratégia Concursos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Solve : *
8 × 13 =