Foto: Divulgação

Vagas para Analistas com salários de R$ 5,2 mil

A Defensoria Pública do Distrito Federal (DPDF) acatou as recomendações do Tribunal de Contas do Distrito Federal e retificou o edital de abertura do concurso DPDF.

O certame oferta 60 vagas imediatas mais cadastro de reserva para o cargo de Analista de Apoio à Assistência Judiciária, com remuneração inicial de R$ 5.241,22.

Organizado pelo Cebraspe, o certame terá inscrições abertas a partir do dia 15 de setembro, no valor de R$ 101,87. O cargo de Analista de Apoio Assistência Judiciária exige Nível Superior em áreas específicas e tem remuneração inicial de R$ 4.641,22 + 600,00 de gratificação judiciária.

Confira abaixo na aba “retificações” todas as mudanças.

Esta e outras informações completas você confere neste artigo!

Retificações – Analista

Requisitos para Arquivologia

O texto, que antes exigia registro no Conselho de Classe, agora passa a figurar com a seguinte redação:

Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em Arquivologia, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC, e registro na DRT/Ministério do Trabalho.

Redistribuição de Vagas

Os cargos de Arquitetura, Engenharia Civil, Informática – Desenvolvimento de Sistemas, Psicologia e Serviço Social, que antes ofertavam duas vagas para ampla concorrência; e o cargo de Informática – Redes, que ofertava três vagas para ampla concorrência e nenhuma vaga destinada às cotas, tiveram as vagas redistribuídas. Veja:

Isenção da Taxa de Inscrição

A retificação prevê isenção total da taxa de inscrição, fixada em R$ 101,87, para pessoas com deficiência e comprovadamente carentes, conforme o § 3º do art. 54 da Lei nº 6.637/2020. Para isso será necessário:

a) preenchimento do requerimento disponível no aplicativo de solicitação de isenção com a indicação do Número de Identificação Social (NIS), atribuído pelo CadÚnico;

b) preenchimento eletrônico de declaração de que é membro de família de baixa renda (declaração de hipossuficiência), nos termos do Decreto nº 6.135/2007;

c) laudo médico, emitido no máximo nos 12 meses anteriores à data de início do período de inscrição, que deve atestar a espécie e o grau ou o nível de sua deficiência, com expressa referência ao Código Internacional de Doenças (CID-10) ou ao CIF, bem como a provável causa da deficiência. O laudo médico, deve, ainda, conter a assinatura e o carimbo do médico com o número de sua inscrição no Conselho Regional de Medicina (CRM), na forma do subitem 5.2.1 do edital.

Alterações Conhecimentos Especializados

Foram incluídos os seguintes conteúdos para as provas de conhecimento específico:

CARGO: Direito e Legislação – Direito Penal – Lei nº 13.869/2019 e suas alterações; Leis nº 6.766/1979 e suas alterações e nº 13.913/2019.

CARGO: Administração – Legislação – Decreto Distrital nº 39.103/2018 (regulamenta, no âmbito do Distrito Federal, o Sistema de Registro de Preços e dá outras providências).

CARGO: Arquitetura – Representação, métodos e técnicas de desenho; Tipos de representação do projeto de arquitetura: ABNT NBR 16636-1:2017 e ABNT NBR 16636-2:2017; Perspectiva cônica e desenhos isométricos; Geometria descritiva básica: os diedros, as três projeções e os cortes; Croquis à mão e sketch-up; Desenho técnico e AutoCAD e AutoCAD 3D; Revit; Desenho técnico: NBR nº 8.403:1984, NBR nº 8.404:1984, ABNT NBR 16752:2020, NBR nº 6.492:1994, NBR nº 10.067:1995, NBR nº 10.126:1987 (versão corrigida em 1998). 

CARGO: Economia – Aspectos gerais do comportamento recente da economia brasileira e das políticas econômicas adotadas pelos últimos governos. 

Exclusão de Item

Foi excluído o subitem 8.3.6 e, consequentemente, a previsão de disponibilização de link para a indicação de candidatos moradores de mesma residência para a realização das provas no mesmo local, constante do cronograma do Anexo I.

Prazo para Nomeações

Segundo o documento de retificação, a nomeação dos candidatos obedecerá ao seguinte cronograma, que poderá ser modificado, a qualquer tempo, para adaptar-se às disposições constantes da Lei Complementar 173/2020 e da Portaria 168, de 10 de junho de 2020 (DPDF), bem como às condições econômicas e financeiras da Administração:

a) no mínimo 25% das vagas previstas neste edital serão preenchidas no segundo semestre de 2021;

b) no mínimo 25% das vagas previstas neste edital serão preenchidas no primeiro semestre de 2022;

c) no mínimo 25% das vagas previstas neste edital serão preenchidas no segundo semestre de 2022;

d) o restante das vagas previstas neste edital será preenchido no primeiro semestre de 2023.

O Concurso DPDF 2020 – Edital

O edital do concurso DPDF 2020 traz 60 oportunidades, distribuídas entre 12 áreas de formação de nível superior.

Principais Datas do concurso

As inscrições do certame poderão ser realizadas através do site da banca organizadora, o Cebraspe, a partir do dia 15 de setembro.

Inscrições: 15/09 a 5/10
Pagamento: até 7/10
Valor: 
R$101,87
Isenção: 
11 a 20/08/2020
Data da Prova Objetiva
 e Discursiva: 08/11/2020

Cargos vagos de Analista

De acordo com os dados disponibilizados no Portal da Transparência da DPDF (concurso DPDF), e atualizados até junho de 2020, há muitas 228 vacâncias do cargo dentro do órgão. Veja abaixo:

Cargos Ocupados Cargos Vagos Total de cargos
73 228 301
Cargos vagos e ocupados na Defensoria Pública do D.

Vagas e Requisitos do cargo de Analista

Para concorrer ao cargo de Analista de Apoio à Assistência Judiciário, no concurso DPDF, o candidato deverá portar diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em uma das 12 áreas específicas ofertadas:

Cargo/Área/Especialidade AC PcD Negros
Cargo 1: Analista de Apoio à Assistência Judiciária – Área: Direito e Legislação 18 6 6
Cargo 2: Analista de Apoio à Assistência Judiciária – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Administração 5 1 2
Cargo 3: Analista de Apoio à Assistência Judiciária – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquivologia 1 * *
Cargo 4: Analista de Apoio à Assistência Judiciária – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura 1 1 *
Cargo 5: Analista de Apoio à Assistência Judiciária – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Comunicação Social – Jornalismo 1 * *
Cargo 6: Analista de Apoio à Assistência Judiciária – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Contabilidade 3 1 1
Cargo 7: Analista de Apoio à Assistência Judiciária – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Economia 1 * *
Cargo 8: Analista de Apoio à Assistência Judiciária – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Engenharia Civil 1 1 *
Cargo 9: Analista de Apoio à Assistência Judiciária – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Informática – Banco de Dados 1 * *
Cargo 10: Analista de Apoio à Assistência Judiciária – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Informática – Desenvolvimento de Sistemas 1 1 *
Cargo 11: Analista de Apoio à Assistência Judiciária – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Informática – Redes 1 1 1
Cargo 12: Analista de Apoio à Assistência Judiciária – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Psicologia 1 1 *
Cargo 13: Analista de Apoio à Assistência Judiciária – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Serviço Social 1 1 *
Concurso DPDF: quadro de vagas.

Salário de Analista

A remuneração inicial do concurso DPDF fixada em lei é de R$ 5.241,22, correspondentes a R$ 4.641,22 de vencimento básico mais R$ 600,00 de gratificação judiciária.

DPDF – Terceira Classe

Padrão Vencimento básico
IV 5.069,20
III 4.926,43
II 4.784,05
I 4.641,22

DPDF – Segunda Classe

Padrão Vencimento básico
VI 5.924,47
V 5.781,90
IV 5.639,31
III 5.496,56
II 5.354,34
I 5.211,59

DPDF – Primeira Classe

Padrão Vencimento básico
VI 6.779,56
V 6.637,16
IV 6.494,59
III 6.352,19
II 6.209,62
I 6.067,05

DPDF – Classe especial

Padrão Vencimento Básico
III 7.207,26
II 7.064,35
I 6.921,96

Benefícios

13º SALÁRIO: o décimo terceiro salário é pago no mês de aniversário do servidor ocupante de cargo de provimento efetivo, incluído o requisitado da administração direta, autárquica ou fundacional de qualquer Poder do Distrito Federal, da União, de Estado ou Município, no mês do seu aniversário, na proporção de 1/12 (um doze avos) por mês de exercício, gerando diferença no mês de dezembro nos casos de variação de remuneração ou no caso de exercício após o mês de aniversário. No primeiro ano de trabalho será considerada a proporcionalidade do pagamento, mesmo que este ocorra no ano subsequente

Adicional por tempo de Serviço – ATS (anuênio): equivalente a 1% (um por cento), para cada ano de efetivo exercício, conforme o art. 88 – LC nº 840/2011

Adicional por Serviço Extraordinário (horas extras): acréscimo de 50% (cinquenta por cento) no valor da hora contratual, conforme determina o art. 84 – LC nº 840/2011

Auxílio Alimentação: instituído pela LC nº 840/2011, no valor atual R$ 394,50.

Auxílio Transporte (Vale Transporte): conforme art. 107 a 110 da LC nº 840/2011, com custeio (desconto) de 6% (seis por cento) sobre o vencimento e alterações conforme a Portaria n° 124 de 23 de março de 2018 – SEPLAG

Auxílio Natalidade: benefício devido à servidora por motivo de nascimento de filho, inclusive no caso de natimorto, ou ao cônjuge ou companheiro servidor público, quando a parturiente não for servidora pública distrital, em valor equivalente ao menor vencimento do serviço público do Distrito Federal, Art. 96 – LC nº 840/2011

Auxílio Funeral: disposto nos artigos 97 a 99 – LC nº 840/2011, devido à família do servidor falecido ou a terceiro se tiver custeado o funeral, em valor equivalente a última remuneração ou provento

Auxílio Creche: instituído pela Lei nº 792/1994 e regulamentado pelo Decreto nº 16.409/1995, o referido benefício é destinado aos dependentes dos servidores que se encontrem na faixa etária de 0 (zero) a 6 (seis) anos, no valor de R$ 95,00 (noventa e cinco reais) por filho. A cota-parte do servidor será de 5% (cinco por cento) a 25% (vinte e cinco por cento) e proporcional ao nível de remuneração. De acordo com a Portaria n°. 63, de 11 de março de 2016, o benefício em questão não será concedido: I- cumulativamente ao servidor que exerça mais de um cargo na Administração Pública; II – simultaneamente ao servidor e cônjuge, ou companheiro(a), e; III – cumulativamente ao servidor que tenha o dependente assistido em creche ou pré-escola ou mantida pelo poder público

FÉRIAS: O servidor ocupante de cargo efetivo ou em comissão faz jus a 30 (trinta) dias de férias, consecutivas ou parceladas, após doze meses de efetivo exercício. As férias poderão ser gozadas em até 3 (três) períodos, nenhum inferior a 10 (dez) dias, a critério da Administração. Por ocasião das férias, será pago ao servidor:

✓ O adicional de férias (obrigatório), que corresponde a 1/3 (um terço) da remuneração do mês em que as férias forem iniciadas.

✓ O abono pecuniário, se deferido, após opção de recebimento.

Abono de ponto: em conformidade com o art. 151, LC nº 840/2011, terá direito a 5 (cinco) abonos de ponto anuais, concedidos ao servidor que não tenha tido faltas no período anterior, compreendido entre 1º de janeiro e 31 de dezembro. Ocorrendo a investidura após 1º de janeiro do período aquisitivo, o servidor faz jus a um dia de abono de ponto por bimestre de efetivo exercício, até o limite de cinco dias

Licença prêmio por assiduidade: disposto nos art. 139 a 143, LC nº 840/2011. Corresponde a 3 (três) meses para cada quinquênio (cinco anos) de efetivo exercício.

Etapas do concurso

O certame da Defensoria Pública do DF conta com as seguintes etapas:

  • Prova objetiva: caráter eliminatório e classificatório;
  • Prova dissertativa: caráter eliminatório e classificatório.
  • Avaliação de títulos, de caráter classificatório.

Prova Objetiva

A prova objetiva será composta por 120 itens para julgamento como “certo” ou “errado”, e terá duração de 3h30 para ser realizada no dia 08 de novembro, no turno da manhã:

Área Itens
Conhecimentos básicos 50
Conhecimentos especializados 70

Notas mínimas

  • Conhecimentos básicos: 10,00
    • Língua Portuguesa
    • Conhecimentos sobre o Distrito Federal
    • Legislação
  • Conhecimentos específicos de cada área: 21,00
  • Total da prova: mínimo de 36,00

Prova Discursiva

A prova discursiva será aplicada no mesmo dia da prova objetiva, no turno da tarde, e valerá 50,00 pontos. Será necessário:

  • uma dissertação acerca de tema de atualidade, a ser respondida em até 30 linhas, com o valor de 20,00 pontos; e
  • três questões a respeito dos objetos de avaliação de conhecimentos especializados de cada cargo/área/especialidade, a serem respondidas em até 20 linhas cada, com o valor de 10,00 pontos cada – totalizando 30,00 pontos

Notas mínimas

  • Dissertação: 10 pontos
  • Questões: 20 pontos.

Avaliação de Títulos

Serão convocados para a avaliação de títulos todos os candidatos aprovados na prova discursiva.

A avaliação de títulos valerá 10,00 pontos, ainda que a soma dos valores dos títulos apresentados seja superior a esse valor.

Somente serão aceitos os títulos abaixo relacionados, expedidos até a data do envio, observados os limites de pontos do quadro a seguir:

TÍTULO VALOR UNITÁRIO VALOR MÁXIMO
Diploma de curso de pós-graduação em nível de doutorado (título de doutor) na área/especialidade a que concorre. Também será aceito certificado/declaração de conclusão de curso de Doutorado na área/especialidade a que concorre, desde que acompanhado de histórico escolar. 2,50 2,50
Diploma de curso de pós-graduação em nível de mestrado (título de mestre) na área/especialidade a que concorre. Também será aceito certificado/declaração de conclusão de curso de Mestrado na área/especialidade a que concorre, desde que acompanhado de histórico escolar. 1,50 1,50
Certificado de curso de pós-graduação em nível de especialização, com carga horária mínima de 360 h/a na área/especialidade a que concorre. Também será aceita a declaração de conclusão de pós-graduação em nível de especialização na área/especialidade a que concorre, desde que acompanhada de histórico escolar. 0,60 1,20
Aprovação em concurso público na Administração Pública ou na iniciativa privada, para empregos/cargos na área/especialidade a que concorre, desde que não tenha sido utilizada na pontuação prevista na alínea E. 0,30 0,60
Exercício de atividade autônoma e(ou) profissional de nível superior na Administração Pública ou na iniciativa privada, em empregos/cargos/funções na área/especialidade a que concorre. 0,60 p/ano completo, sem sobreposição de tempo 4,20
TOTAL MÁXIMO DE PONTOS 10,00

Matérias cobradas no edital da DPDF

Conhecimentos básicos (todos os cargos)

  • Língua Portuguesa
  • Conhecimentos sobre o DF
  • Legislação

Conhecimentos especializados: Analista DPDF – Direito e Legislação

  • Direito Administrativo
  • Direito Constitucional
  • Criminologia
  • Direito Processual Penal
  • Direito Civil
  • Direito Processual Civil
  • Direito da Criança e do Adolescente
  • Direito do Consumidor
  • Direitos Difusos e Coletivos
  • Direitos Humanos
  • História, organização, princípios e normas institucionais da DPDF
  • Direito Penal – Lei nº 13.869/2019 e suas alterações; Leis nº 6.766/1979 e suas alterações e nº 13.913/2019.

Conhecimentos especializados: Analista DPDF – Administração

  • Administração Geral
  • Administração Pública
  • AFO
  • Legislação

Conhecimentos especializados: Analista DPDF – Arquivologia

  • Arquivologia

Conhecimentos especializados: Analista DPDF -Arquitetura

  • Representação, métodos e técnicas de desenho; Tipos de representação do projeto de arquitetura: ABNT NBR 16636-1:2017 e ABNT NBR 16636-2:2017; Perspectiva cônica e desenhos isométricos; Geometria descritiva básica: os diedros, as três projeções e os cortes; Croquis à mão e sketch-up; Desenho técnico e AutoCAD e AutoCAD 3D; Revit; Desenho técnico: NBR nº 8.403:1984, NBR nº 8.404:1984, ABNT NBR 16752:2020, NBR nº 6.492:1994, NBR nº 10.067:1995, NBR nº 10.126:1987 (versão corrigida em 1998). 

Conhecimentos especializados: Analista DPDF – Jornalismo

  • Comunicação

Conhecimentos especializados: Analista DPDF – Contabilidade

  • Contabilidade Geral
  • Contabilidade Pública
  • Auditoria e Perícia Contábil

Conhecimentos especlializados: Analista DPDF – Economia

  • AFO
  • Análise de Informação
  • Auditoria Governamental, Compliance, Gestão de Risco e Governança
  • Economia – Aspectos gerais do comportamento recente da economia brasileira e das políticas econômicas adotadas pelos últimos governos. 

Conhecimentos especíializados: Analista DPDF – Engenharia Civil

  • Obras (Planejamento, Normas, Fiscalização e Legislação)
  • Obras de Edificações
  • Obras Hídricas
  • Obras Rodoviárias

Conhecimentos especializados: Analista DPDF – Informática – Banco de Dados

  • Banco de dados
  • Arquitetura de Software

Conhecimentos especializados: Analista DPDF – Informática – Desenvolvimento de Sistemas

  • Desenvolvimento de Sistemas de Computação
  • Gestão e Governança de TI
  • Fiscalização de Contratos de TI

Conhecimentos especializados: Analista DPDF – Informática – Redes

  • Análise de Sistema (Suporte e Infraestrutura)
  • Fiscalização de Contratos de TI

Conhecimentos especializados: Analista DPDF – Psicologia

  • Psicologia Clínica
  • Psicologia Organizacional

Conhecimentos especializados: Analista DPDF – Serviço Social

  • Serviço Social

Linha do Tempo DPDF

Agosto/2019

Sancionada a Lei de Diretrizes Orçamentárias do Distrito Federal para 2020, com previsão de 60 vagas para o concurso DPDF para Analistas de Apoio à Assistência Judiciária.

Janeiro/2020

21/01: Publicada a autorização do concurso, com 60 vagas para Analista de Apoio à Assistência Judiciária.

27/01: Publicada a portaria de nomeação da comissão organizadora e fiscalizadora do certame.

Abril/2020

Cebraspe é escolhido por dispensa de licitação para organizar o concurso DPDF.

Maio/2020

PLDO para o Distrito Federal em 2021 prevê a nomeação de 120 Analistas de Apoio à Assistência Judiciária. A íntegra do anexo do PLDO você encontra aqui.

Junho/2020

A Defensoria Pública do Distrito Federal (concurso DPDF) publicou o extrato do contrato celebrado com o Cebraspe (antigo Cespe). A medida oficializa a escolha da banca do novo concurso, que terá 60 vagas imediatas.

Julho/2020

Publicado o edital com 60 vagas.

O último concurso DPDF

último concurso DPDF para provimento de cargos de Analista de Apoio Judiciário da DPDF foi realizado em 2014 e ofereceu 15 vagas. O certame teve 8994 candidatos inscritos e foi organizado pela FGV.

Última prova

Edital Estratégico DPDF: baixe gratuitamente

A partir das informações preenchidas pelo aluno, uma “aba” do Edital Estratégico DPDF irá demonstrar a progressão em cada tarefa e assunto. A edição poderá ser realizada apenas na 3ª aba, relativa ao preenchimento do progresso nas disciplinas. Caso você queira fazer outras modificações no arquivo, é só usar a senha “admin” na opção desproteger planilha do Excel.

IMPORTANTE: Ao clicar no link acima, vai ser aberta uma janela do Google Drive que tentará carregar a visualização da planilha no seu navegador. Não há necessidade de esperar essa visualização (talvez até nem carregue, já que os arquivos são pesados).

Faça o download clicando na seta para baixo no canto superior direito da janela do Google Drive que vai ser aberta ao clicar nos links acima.

Todos os arquivos foram testados em diferentes computadores e celulares e estão ok. Talvez alguma incompatibilidade (ou mensagem de erro, como “arquivo inválido”) ocorra em virtude do seu próprio computador ou do tamanho dos arquivos que possuem mais conteúdo.

Confira abaixo os links do Edital Estratégico DPDF:

ACESSE: GUIA DE ESTUDOS PARA DPDF

 

Ficha técnica

Informações sobre o concurso DPDF 2020

Data prevista para prova: 8 de novembro
Vagas: 60 + CR
Cargos: Analista de Apoio à Assistência Judiciária
Lotações: Distrito Federal
Banca:Cebraspe
Escolaridade: Nível Superior em várias áreas
Edital 2020: Edital DPDF 2020

Ascom Estratégia
ascomestrategia@gmail.com

 

Fonte: Estratégia Concursos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Solve : *
16 + 26 =