Cerimônia de regulamentação de projeto desenvolvido pela Secretaria de Economia será nesta sexta-feira no Palácio do Buriti

O Governo do Distrito Federal (GDF) promove, nesta sexta-feira (29), a regulamentação do Programa de Atenção ao Dependente Químico (PADQ), voltado para os servidores públicos.

A iniciativa, promovida pela Secretaria de Economia, por meio da Secretaria Executiva de Valorização e Qualidade de Vida e da Subsecretaria de Segurança e Saúde no Trabalho, visa à promoção da saúde mental, à prevenção do adoecimento psíquico por uso de substâncias entre servidores e ao acompanhamento especializado.

O programa foi desenvolvido pela Secretaria de Economia como forma de prevenção e assistência àqueles que apresentam algum problema relacionado ao uso e à dependência de álcool ou qualquer outra substância aditiva.

Com a medida, o governo pretende acolher os servidores com dependência química, de acordo com o grau da dependência. Eles serão encaminhados para a intervenção mais adequada, psicoterapia individual ou em grupo. O programa também trabalhará ações preventivas.

Acolhimento

O Decreto que será assinado pelo governador Ibaneis Rocha atualiza e regulamenta o Programa de Atenção ao Dependente Químico no âmbito da Administração Direta, Autárquica e Fundacional do Distrito Federal. A norma especificará os princípios, objetivos e subprogramas, bem como as diretrizes relativas à gestão integrada e ao gerenciamento de servidores públicos distritais com problemas relacionados com o uso de álcool e outras drogas.

Com a medida, o governo pretende acolher os servidores com dependência química, de acordo com o grau da dependência. Eles serão encaminhados para a intervenção mais adequada, psicoterapia individual ou em grupo. O programa também trabalhará ações preventivas.

Institucionalizado em 2011, o PADQ conta com uma equipe multidisciplinar de psicólogos, psiquiatras e assistentes sociais que prestam apoio e auxílio aos servidores com alguma dependência química e oferecem suporte aos familiares dos servidores que participam do Programa. Com a sua regulamentação por Decreto, ele passa a ter normas e diretrizes e a ser reconhecido como uma política do estado. 

 

*Com informações da Secretaria de Economia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Solve : *
18 − 9 =