General ataca Bolsonaro

Sempre que pode, o general Santos Cruz, que foi amigo de Bolsonaro quase 20 anos e demitido do governo em junho de 2019, faz seus ataques cirúrgicos ao seu comportamento. Após o presidente falar impropérios contra a imprensa em relação a compra de alimentos suspostamente superfaturados, o general disparou: é uma vergonha nacional. Santos Cruz acredita que o presidente não tem “noção institucional” do cargo. Resumindo: não conhece nem respeita a liturgia da Presidência da República.

 

Pandemia

O governo de Jair Bolsonaro continua batendo recordes. Um estudo do Low Institute de Sydney (Austrália) classificou a gestão brasileira da pandemia como a pior do mundo. A estratégia usada pela Nova Zelândia foi considerada a melhor entre quase 100 países pesquisados.

 

Quebra de patentes

Em meio a chamada “guerra das vacinas” alguns cientistas e políticos já defendem a quebra das patentes em defesa dos países mais pobres. O lema é “vacina para todos”.

 

Arrumação

Em baixa dentro do governo Bolsonaro já faz um tempo, o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, poderá desembarcar como ministro da Secretaria Geral da Presidência. É uma arrumação para abrigar um nome do Republicanos, onde estão os filhos do presidente, Flávio e Carlos Bolsonaro. Nada mais é impossível no Brasil.

 

Formação tecnológica

Uma boa notícia. Cinco campi do Instituto Federal de Brasília vão contar com Centros de Formação Tecnológica (CFT) nas unidades da Estrutural, Planaltina, Recanto das Emas e Taguatinga. A medida faz parte de um esforço da senadora Leila Barros (PSB), candidatíssima ao GDF em 2022, juntamente com Israel Batista (PV) e Paula Belmonte (Cidadania). Os recursos são da ordem de R$ 10 milhões.

 

Trabalho escravo

O deputado Robério Negreiros (PSD) aproveitou a quinta-feira (28), o Dia Nacional do Combate ao Trabalho Escravo, para apresentar projeto de lei que cassa a inscrição no ICMS dos estabelecimentos que produzirem ou comercializarem produtos em cuja fabricação tenha condutas que configurem redução de pessoa a condição análoga à de escravo. O parlamentar lembra que é lamentável que em pleno Século XXI ainda tenhamos que nos deparar com situações como a do trabalho escravo”.

 

Pardais

Quem gosta de exagerar na velocidade é bom ficar atento. Fiscalização de trânsito por pardais volta a ocorrer no DF. Tanto que o Detran já começou a substituir os aparelhos e 123 equipamentos foram distribuídos em vias urbanas.

 

Prestígio

Articulado, o ex-deputado federal Tadeu Filippelli, está bom um bom prestígio junto ao MDB nacional. Muito em função do trabalho que desenvolve a favor da candidatura de Baleia Rossi (MDB) à presidência da Câmara dos Deputados. A disputa não está nada fácil para o MDB.

 

Carnaval

Apesar do Carnaval já estar cancelado na maioria das cidades brasileiras, no DF se comenta que alguns blocos estariam dispostos a sair nos quatro dias de uma eventual folia. Espera-se o bom senso.

 

Contra a covid-19

O vice-governador do DF, Paco Britto, continua intensificando as ações do comitê Todos Contra a Covid. Tanto que participou de uma ação na Rodoviária do Plano Piloto quando foram distribuídos mais de 5 mil kits com máscaras e álcool gel. Incansável no trabalho contra a pandemia, Paco Britto alerta que “a pandemia não acabou e que a sociedade precisa ajudar cumprindo os protocolos que ainda são a única forma de evitar o contágio pelo coronavírus”.

 

Conselho

O prefeito de Goiânia, Rogério Cruz (Republicanos), criou um conselho político. A missão do tal conselho é assessorar o prefeito nas decisões difíceis. O problema básico é que político gosta de apenas ouvir, aceitar é outro departamento.

 

Guinnes Book

O prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), pode entrar para o Guinness Book – livro dos recordes – em breve. Salvo engano, Almeida é o prefeito que com menos de um mês no cargo já teve sua prisão pedida por irregularidades no processo de vacinação em Manaus. O hoje prefeito começou a viver no ambiente político nos anos 90 como motorista de uma secretária do hoje senador Eduardo Braga (MDB).

 

Carlos Honorato
pontofinal@carloshonorato.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Solve : *
24 ⁄ 6 =