Projeto criado pela Setur oferece passeios on-line por santuários que são cartões-postais do DF, como a Catedral e o Arquidiocesano em Brazlândia

prazer de estar em família, mesmo que dessa vez com a distância envolvida. Semana Santa é sobre isso. E em um período de tantos desafios, nossos templos, igrejas e espaços são locais onde a fé e a esperança são protagonistas.

“A Coleção Rotas Brasília é um projeto que fizemos com muito carinho, totalmente on-line, para ajudar nossos moradores e visitantes a descobrirem lugares incríveis da nossa cidade”

Passeio digital dá a sensação de estar dentro dos santuários presencialmente | Foto: Divulgação/Setur-DF

Para oferecer a oportunidade de todos conhecerem ou revisitarem esses santuários da capital do Brasil,  sem precisar sair de casa, a Secretaria de Turismo do DF (Setur-DF) criou a Rota da Paz.

Lançado em 2020, o projeto faz parte da Coleção Rotas Brasília e conta com duas opções de acesso on-line: um miniguia, que pode ser baixado em versão digital, contendo informações, histórias e curiosidades sobre os lugares; e um tour virtual, no qual o visitante é levado a fazer um passeio 100% digital pelo Google Earth e se sentir dentro de cada um desses locais, verdadeiros paraísos na terra.

Fé e espiritualidade

“A Coleção Rotas Brasília é um projeto que fizemos com muito carinho, totalmente on-line, para ajudar nossos moradores e visitantes a descobrirem lugares incríveis da nossa cidade. E neste momento em que celebramos a Semana Santa, a Rota da Paz apresenta alguns dos santuários de fé e espiritualidade da nossa Capital da Esperança. Cidade de otimismo, fé, paz, amor e muita alegria”, afirma a Secretária de Turismo do DF, Vanessa Mendonça.

Na rota, o visitante vai saber mais sobre lugares religiosos, como: igreja Nossa Senhora de Fátima (307/308 Sul), tombada em 2007 como Patrimônio Histórico e Artístico Nacional; o Santuário Dom Bosco (702 Sul); e a Catedral Metropolitana, audacioso projeto de Oscar Niemeyer, inaugurado em 1970. Considerada um marco da arquitetura moderna, a Catedral tem vitrais assinados pela artista plástica Marianne Perett que dão ao ambiente um tom celestial.

Santuário Arquidiocesano Menino Jesus, em Brazlândia, tem capacidade para até 15 mil pessoas | Foto: Divulgação/Setur-DF

2º maior templo católico

“Ser guia de turismo é trabalhar com emoções. E eu procuro mostrar a todos uma Brasília diferente, além do Plano Piloto. E a Rota da Paz é uma delas. Caminhos que nos inspiram”Maria José Carvalho, guia de turismo

Na Rota da Paz, o visitante vai conhecer também templos que vão além do Plano Piloto, como o Santuário Arquidiocesano Menino Jesus, localizado na cidade de Brazlândia, 40km do centro de Brasília. A igreja chama a atenção por vários fatos.

Primeiro por seu tamanho, que é considerado o segundo maior templo católico do Brasil. Sua estrutura conta com seis pavimentos, três torres e uma cúpula com 33 metros de altura. Com capacidade para até 15 mil pessoas, o santuário também impressiona por seus belos vitrais e uma detalhada escultura da Sagrada Família, que adorna o altar.

“Um encontro perfeito entre arte e fé, que encanta a todos”, afirma a guia de turismo Maria José Carvalho. Há mais de 21 anos apresentando a cidade para moradores e visitantes, ela destaca a emoção que vê nos olhos de cada uma das pessoas, sempre que estão diante dos monumentos da capital.

“Ser guia de turismo é trabalhar com emoções. E eu procuro mostrar a todos uma Brasília diferente, além do Plano Piloto. E a Rota da Paz é uma delas. Caminhos que nos inspiram”, conclui Maria José.

Serviço
Rota da Paz:
http://www.turismo.df.gov.br/brasilia-tour-virtual
Brasília Tour Virtual – Secretaria de Turismo<http://www.turismo.df.gov.br/brasilia-tour-virtual/>
www.turismo.df.gov.br
GDF — Governo do Distrito Federal

*Com informações da Secretaria de Turismo 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Solve : *
14 − 2 =