Mais de 6,2 mil cartões Alimentação Escolar não foram usados. Dinheiro é entregue às famílias de baixa renda durante a pandemia

Quem ainda não utilizou os cartões Alimentação Escolar e Alimentação Creche tem mais uma chance. O prazo para gastar os créditos, que terminou em 12 de fevereiro, foi prorrogado para 14 de março. A compra de alimentos pode ser feita em qualquer estabelecimento que aceite esta forma de pagamento.

Cartão de Material Escolar do Bolsa Família

6.251Cartões Alimentação Escolar ainda não foram utilizados

De acordo com o Banco de Brasília (BRB), há 6.251 cartões Alimentação Escolar que ainda não foram utilizados, totalizando R$ 7.578.560,78. Em relação ao benefício Creche, são 341 cartões, um total de R$ 407.954,27.

Para verificar o valor do crédito, basta telefonar para 3029-8440 ou baixar o aplicativo BRB Card Pré-pago.

Segurança alimentar

Os programas foram criados em março, no início da pandemia da Covid-19, para garantir a segurança alimentar e nutricional dos estudantes durante a suspensão das atividades presenciais. O pagamento foi feito mensalmente e durou até o fim do ano letivo de 2020, que terminou em janeiro de 2021.

Bolsa Alimentação atendeu mais de 106 mil estudantes, cujas famílias fazem parte do Bolsa Família. Para cada refeição (almoço e/ou janta) que fariam na escola, receberam R$ 3,98, definidos conforme o Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae). O investimento total da Secretaria de Educação chegou a R$ 88.555.187,06.

Leia também

Liberado pagamento das bolsas Alimentação e Alimentação Creche

Novo cronograma de entrega do cartão do Bolsa Alimentação Creche

Mais 23 mil crianças matriculadas nas parceiras da Secretaria de Educação tiveram a Bolsa Alimentação Creche. Neste caso, o valor foi fixo, R$ 150 por mês. Nestes onze meses, o programa recebeu R$ 35.128.157,10.

*Com informações da Secretaria de Educação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Solve : *
2 × 14 =