Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

Um novo nome para a OAB

Há poucas semanas não havia dúvida de que o próximo presidente da Ordem dos Advogados do Brasil no DF seria o mesmo Délio Lins e Silva que hoje já ocupa a cadeira. Mas hoje o ambiente é bem diferente. A adversária Thais Riedel superou vários obstáculos, uniu boa parte da oposição e começou a trabalhar junto os advogados; o resultado aparece nas pesquisas de opinião que estão sendo feitas. Ainda não passou, mas está, como disse um correligionário, fungando o cangote.

A firmeza feminina

Thais Riedel organizou uma manifestação de advogados contra o fechamento total dos fóruns, o que vem causando transtornos aos advogados. Ela explicou que não defende a volta ao que era antes, mas apenas uma maior abertura e que os advogados possam ao menos conversar com os juízes sobre os processos. A manifestação recebeu adesão maciça dos advogados que enxergaram em Thais Riedel uma firmeza que o atual presidente ainda não havia demonstrado.

Campanhas ricas

A eleição a presidente da OAB é a semente que deu origem à representação política do Distrito Federal. Ainda é o pleito mais importante depois da eleição parlamentar e executiva, reunindo cerca de 60 mil eleitores numa disputa ferrenha e rica. Calcula-se que uma chapa competitiva gaste cerca de R$ 8 milhões.

Festa valoriza os artesãos do DF

O Salão Branco do Palácio do Buriti ficou colorido para receber os mais de 200 artesãos do DF que receberam a Carteira do Artesão, um reconhecimento do Governo do Distrito Federal ao trabalho dessas pessoas, que, até então, se sentiam invisíveis para a sociedade, para usar a definição deles próprios.

Arranjos próprios no salão

Todo o espaço foi decorado com trabalhos feitos por esses artesãos. Arranjos de flores, mandalas de crochê, origamis, papel, linha, vidro, flores desidratadas, lata, objetos encontrados nos lixos, tudo isso vira arte nas mãos deles, que foi exposta no evento desta terça-feira (26).

Cinco mil famílias envolvidas

Essa é a realidade dos artesãos do DF, desde 2019, a partir do programa Turismo em Ação, coordenado pela secretária Vanessa Mendonça. São mais de 80 eventos que resultaram em R$ 1,4 milhão em vendas, movimentando a criação de emprego e renda a cinco mil famílias.

Centro Pop é cercado

O GDF está cercando a área do Centro Pop da 904/904 Sul para melhorar a assistência de centenas de moradores de rua que são atendidos no local. Também será feita uma nova iluminação no local, pedido pelos moradores da região, para melhorar a segurança. Há denúncias que o local estava se transformando numa cracolândia, com venda e consumo de droga a céu aberto, mas o governo agiu em tempo.

Mais gente para saúde

O GDF continua nomeando servidores para a saúde. Há poucos dias, entraram na luta para melhorar o atendimento à população, mais 396 servidores, de várias carreiras. Na cerimônia, era evidente a emoção dos nomeados e familiares, que estiveram no Palácio do Buriti, onde foram recepcionados pelo governador Ibaneis Rocha: “Vocês cuidam de vida e a gente não mede esforços para cuidar da população. Sejam todos bem-vindos”.

Um longo caminho

Em sua fala, no mesmo evento, o secretário de Economia André Clemente foi contundente ao mostrar aos presentes como é difícil chegar àquele momento, de assinar as nomeações: “É um longo caminho até aqui: autorização para concurso, buscar recursos, vencer todo o processo burocrático, aprovação das instâncias”.

 

bsbagora@gmail.com

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Solve : *
26 × 16 =